Envelhecer é perceber que…

Publicado: setembro 18, 2011 em Das coisas que se aprende
Tags:

1. meus ouvidos estão se abrindo graças à música. Estudar sons é como abrir outra dimensão;
2. sou oficialmente mãe e agora sei coisas sobre o tempo. Posso recomendar “leve o guarda-chuva” ou “não precisa levar o guarda-chuva”. Sempre me perguntei como as mães dos meus amigos sabiam quando ia chover ou não, independente da previsão meteorológica oficial. Agora eu sei. Não tem nada a ver com maternidade, é o processo de envelhecer. Acho que tem a ver com o tempo que nosso corpo demora para se adaptar ao mundo. Saber quando a temperatura vai mudar tem a ver com perceber. Perceber como o vento se comporta, como está o posicionamento das nuvens à noite, como os animais alados se movimentam de dia. Não é magia, é simplesmente observar. Isso demora anos, mas nosso corpo pode entender sim. É claro que estamos falando de probabilidades, mas desde que comecei a prestar atenção em como o vento está, evito pesos desnecessários na bolsa. Às vezes é necessário mais de 30 invernos para obter uma resposta. Mas ela sempre vem. As mães sabem quando vai chover porque o corpo delas é mais velho que dos filhos. Simples. Estou aprendendo a ler ventos.
3. é lenda urbana dizer que se acostuma a acordar cedo. Lenda urbana. =)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s