Eu não comeria um pato

Publicado: dezembro 16, 2010 em Das coisas que se aprende

Teoria do Dr. G:

” – Eu tenho medo de pato. Acho que um troço que caga tanto e não morre… Pra você ter uma ideia, em uma semana meus coelhos destruíram tudo que tinha de mato no quintal e em 2 dias os patos fertilizaram tudo”.

Patos, a maldição do mundo.

P.S. = Os machos se diferenciam das fêmeas principalmente pela diferença dos sons emitidos pelos animais (o macho emite um som que se assemelha a de um assopro, enquanto a fêmea emite um som semelhante a algo como [fi’fi]) e por possuírem carúnculas (“verrugas vermelhas”) na cabeça e ao redor dos olhos. Os patos são utilizados pelo homem na alimentação, vestuário  e entretenimento (ho ho ho).  (Wikipédia)

Anúncios
comentários
  1. Comer tatu é bom. Que pena que dá dor nas costas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s