Talvez não

Publicado: julho 25, 2010 em Contos
As árvores eram fáceis de achar. Difícil era não falar nada.

# Que fiquemos calados, ele pediu.
# Assim seja, outro concordou.

Ficaram como buraquinhos em lascas pretas e brancas em um piano a noite toda.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s