A história de Stória, Stória

Publicado: junho 29, 2010 em Contos
Perdeu-se porque tinha memórias demais. Foram elas carregadas um dia por vaga-lumes e sumiram dentre as estrelas. Pensava que seria solução.

Depois disso, perdeu-se de novo, não tinha lembranças nem caminho. Contou as aveias do chão. E passou a fazer bolinhas de areia. Quase um castelo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s