Louva-a-deus

Publicado: dezembro 5, 2006 em Contos
Conversa entre os louva-a-deus. Conversa em uma cidade onde nada acontece. Ao fundo, Don’t talk, just kiss, fazendo com que no íntimo eles relembrassem o episódio da excursão à Petrópolis aos 12 anos.

Ser 1: # Milkshake de ovomaltine eu não bebo.

Ser 2: # Mas essa era a surpresa.

Ser 1: # Então eu detestei o ocorrido.

Ser 2: # Você não viveu nos anos 90, não? Todo mundo bebia ovomaltine.

Ser 1: # Uma palavra: enjoativo.

Ser 2: # Não bebe, não mente, não se droga, não sacaneia nem rouba. Mas é sexualmente pervertido.

Ser 1: # O meu aniversário é no mês de dezembro, mais certo no dia 03.

Ser 2: # E?

Ser 1: # E sou de Sagitário. Honestidade. Dizer a verdade da maneira como percebo.

Ser 2: # Seria o Papa mestre dos magos?

Ser 1: # Você viveu demais os anos 90. Você sabe que estamos em 2006, não sabe?

Ser 2: # É, eu sei. Eu nasci meio Ewan McGregor.

Ser 1: # Choose life.Choose a job. Choose your future?

Ser 2: # Não. Faço hipnose para parar de fumar.

A estação é trocada. Ouve-se ao fundo It’s the end of the world as we know it, and I feel fine.

Ser 1: # Cara! Essa música. A excursão de Petrópolis, lembra?

Ser 2: # Não. No meu ônibus a Irmã só deixava tocar RPC.

Ser 1: # No meu rolavam altas sacanagens pervertidas. Isso é INXS, né?

Ser 2: # Não! Claro que não. É R.E.M.

Ser 1: # Hum…. O andrógino?

Ser 2: # Mike Stipe. Ele é um belo ser humano.

Ser 1: # Se ele fosse uma fada ia explodir purpurina.

Ser 2: # De onde você tirou isso?

Ser 1: # De um blog. Eu vivo esse século, tá sr. Carl Benjamin Boyer.

Ser 2: # Ano passado ganhei História da matemática.

Ser 1: # Ano passado eu ganhei Joni Mitchel.

Ser 2: # Ela já morreu, quem se importa?

Ser 1: # Ela tá vivinha, meu. Me passa esse Ovomaltine.

Ser 2: # Vamos pegar o dropis de anis?

Ser 1: # Faça o que quiser.

Ser 2 levanta, vai ao caixa, coloca uma arma na cabeça do dono e diz: # Um dropis de anis, de graça, por favor.

Os louva-a-deus são insetos relativamente grandes, tórax estreito e abdômen bem desenvolvido. São predadores agressivos.

Anúncios
comentários
  1. Rozeann disse:

    vi seu blog numa comunidade do orkut…um abraço!

  2. Anonymous disse:

    para você ver como rezar não necessariamente acalma os espíritos!

  3. Anonymous disse:

    Muito bom. Esse foi o melhor texto.Gostei mesmo.bjão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s